Saiba mais sobre a DigitanOcean: Adeus Amazon (AWS)… Olá DigitalOcean!

Archive for março, 2012

Instalar Ubuntu 10.04 Server + Tomcat + PostgreSQL

Neste post vou ilustrar, através de prints, como instalar o Ubuntu Ubuntu 10.04 Server + Tomcat + PostgreSQL, que é um ambiente de produção utilizado em muitas aplicações web.

Vou partir do pressuposto que você irá realizar o processo em uma máquina física com HD vazio (ou que possa ser esvaziado) ou em uma máquina virtual. Para segunda opção, recomendo o Virtualbox

O Ubuntu 10.04 Server possui suporte até abril de 2015, e atualmente é a versão servidor mais estável da Canonical. Se você ainda não possui a imagem (ISO), pode baixar aqui.

Abaixo segue o passo-a-passo:

 


 

 

 


Como utilizar os diretórios TRUNK, TAGS e BRANCHES no Subversion (SVN)

Essa era uma dúvida minha e também pode ser a sua. O Subversion (SVN) tem uma estrutura recomendada. Criar os diretórios TRUNK, TAGS e BRANCHES na raiz do projeto.

Lembre-se: é uma estrutura recomendada. Isso não quer dizer que você é obrigado a utilizar.

O diretório TRUNK

È onde vão todos os commits do dia-a-dia. Os desenvolvedores enviam suas revisões diretametente para essa pasta.

O diretório BRANCHES

Quando a equipe de desenvolvimento decide que a versão está pronta, uma cópia é feita com o nome da versão (Ex.: 1.0, 2.1 etc.) na pasta BRANCHES. Essa versão é testada exaustivamente, e nada novo é criado. Apenas bugs são resolvidos.

O diretório TAGS

Assim que todos os bugs do BRANCH forem resolvidos, a pasta é copiada para o TAGS. E a versão final é liberada. Nada mais é modificado nessa versão.

Quando criar um BRANCH?

Existem algum sistemas que você pode escolher para o seu projeto:

  • O sistema "sem BRANCHES"
    Nesse sistema, só existe a pasta TRUNK e tudo é comitado lá. É mais simples de utilizar mas possui um grande problema: o sistema pode ficar instável a qualquer momento.
  • O sistema "BRANCH o tempo todo"
    Cada usuário possui seu BRANCH privado, e alguém (possivelmetne o gerente) revisa todos os commits e junta tudo na pasta TRUNK. Não é muito recomendado pois pode gerar muitos confiltos
  • O sistema "BRANCH quando precisar"
    Essa é, na minha opinião, a melhor opção. Apenas quando uma versão está (teoricamente) pronta, é criado um BRANCH. É importantíssimo respeitar dois pontos:
    1. Todos os commits devem ser pequenos, com apenas uma correção de bug, ou apenas uma nova funcionalidade. Nada de juntar uma série de atividades em um commit.
    2. O BRANCH tem que rodar sempre, e sem erros.

     

Saiba mais: http://svn.apache.org/repos/asf/subversion/trunk/doc/user/svn-best-practices.html


Retornando aspas simples e duplas no PostgreSQL

Aspas simples são utilizadas na estrutura de um comando SQL, sendo assim, podemos ter problemas se precisarmos exibir as aspas simples como um valor fixo. No meu caso, tinha que exibir latitude e longitude (que estava armazenado no banco em campos inteiros) e depois colocar as aspas simples e duplas fixas, ao lado do valor.

Sem mais lenga lenga, pra fazer isso você poder utilizar a função CHR, que retorna um caracter da tabela ASCII.

select
cast(chr(39) as varchar) as aspas_simples,
cast(chr(34) as varchar) as aspas_duplas

É possível que funcione da mesma forma em outros bancos.


Ecad cobra taxa mensal de blogs que utilizam vídeos do YouTube

Não costumo colocar links para artigos de outros sites aqui no blog, mas esse me chamou muito a atenção. Parece que o Ecad tá perdendo a noção. O Ecad é o "órgão brasileiro responsável pela a arrecadação e distribuição dos direitos autorais das músicas aos seus autores".

A função do órgão é basicamente cobrar os direitos autorais das empresas que exibem vídeos executam músicas no Brasil. Como se não bastasse cobrar do Google (que é dono do YouTube), o Ecad agora está cobrando de blogs que colocam vídeos embutidos (embed) em suas páginas. Bizarro.

Agora todo mundo vai ter que tirar os vídeos do YouTube dos seus blogs? Os donos do site Caligraffiti foram as primeiras vítimas do órgão, que mandaram uma carta cobrando R$ 352,59 mensais referente aos vídeos. Resultado? Tiveram que tirar o blog do ar pra ver como as coisas se resolvem.

Aqui vai o link da matéria: http://glo.bo/ecad-blogs


  • Publicidade

  • Redes Sociais

    Facebook  Twitter
  • Projetos Paralelos

  • Estatísticas

    Page Views (desde março de 2010):

    Estatísticas detalhadas
  • Novidades por e-mail!

    Digite seu e-mail:


    Fique tranquilo. Seu e-mail não será usado para outros fins, e você poderá se descadastrar quando quizer.

    Eu!

    Tiago Passos
    Todo o conteúdo desse site esta licenciado sob a licença Creative Commons 3.0 (CC BY 3.0). Você pode copiar e modificar o conteúdo desde que cite o autor.
    iDream theme by Templates Next | Powered by WordPress