Servidor dedicado (VM) por US$5 ao mês!
Saiba mais sobre a DigitanOcean: Adeus Amazon (AWS)... Olá DigitalOcean!

Faça uma recarga de celular e ganhe R$10 de volta!

Tag: jdk

Instalando o Tomcat 7 com OpenJDK (Java) 7 no Centos Linux 6

O Tomcat 7 utiliza precisa do Java (JDK) para funcionar. Você pode utilizar o Java da Oracle, o OpenJDK ou outro.

A vantagem de utilizar o OpenJDK é que, além de poder ser instalado pelo repositório, e assim você poder atualizar junto com o sistema (yum update), ele é completamente livre, diferente do Java da Oracle.

No nosso teste abaixo, utilizei o Centos 6.3 Minimal, que pode ser obtido clicando aqui.

Assuma o poder de root através do comando su ou sudo su e depois siga o passo-a-passo abaixo.

Atualize o sistema:

yum -y update

Instale o OpenJDK 7:

yum install -y java-1.7.0-openjdk

Baixe o Tomcat 7. Caso o link abaixo não funcione, baixe a versão mais recente em: tomcat.apache.org

wget http://apache.tradebit.com/pub/tomcat/tomcat-7/v7.0.35/bin/apache-tomcat-7.0.35.tar.gz

Descompacte o Tomcat 7

tar -zxvf apache-tomcat-7.0.35.tar.gz

Mova para o local correto (escolher o diretório /var, mas pode ser outro)

mv apache-tomcat-7.0.35 /var/tomcat7

Libere a porta 8080 no Iptables

/sbin/iptables -I INPUT -p tcp --dport 8080 -j ACCEPT
/etc/init.d/iptables save
service iptables restart

Para editar arquivos de texto, você pode utilizar o vi, vim ou outro editor de sua preferência. Os comandos básicos do vi e vim são os mesmos.

Crie o arquivo tomcat7 dentro do diretório /etc/init.d/ com o conteúdo abaixo:

#!/bin/bash 
# description: Tomcat Start Stop Restart 
# processname: tomcat6
# chkconfig: 234 20 80 
 
case $1 in
   start)
    /var/tomcat7/bin/startup.sh;;
   stop)
    /var/tomcat7/bin/shutdown.sh;;
   esac
   exit 0

Depois dê permissão de execução ao arquivo:

chmod +x /etc/init.d/tomcat7

Agora você pode iniciar o Tomcat 7 como serviço:

service tomcat7 start

Se quizer parar:

service tomcat7 stop

Para que o Tomcat 7 inicie automaticamente quando ligar o computador:

chkconfig tomcat7 on

Pronto! Agora é só colocar suas aplicações web java na pasta /var/tomcat7/webapps


Instalando o JDK 6 Update 16 no Linux Ubuntu 9.04

Neste artigo mostrarei como instalar o JDK 6 Update 16 (1.6.0_16) no Ubuntu 9.04.

Para fazer o download do JDK, você pode ir diretamente no site: http://java.sun.com/javase/downloads/index.jsp.

Primeiro vamos criar uma pasta com o nome “java”, dentro do diretório “/usr”. Para isso entre no terminal (Aplicativos/Acessórios/Terminal) e digite o seguinte:

sudo mkdir /usr/java

Depois mova o arquivo que você acabou de baixar para a pasta “/usr/java”. No nosso caso é o “jdk-6u16-linux-x64.bin”. Preste atenção no nome do arquivo, pois pra você pode ser uma versão diferente. No meu caso temos um processador de 64 bits, que pode não ser o seu.

Entre na pasta onde está o arquivo. Por exemplo: se ela estiver em /home/voxtiago/ você vai digitar “cd /home/voxtiago” (sem as aspas). Se quizer ver os arquivos que estão dentro da pasta, digite “ls” (sem as aspas).

Depois mova o arquivo com o seguinte comando:

A partir de agora, onde tiver NOME_DO_ARQUIVO_QUE_VOCÊ_BAIXOU, você deve substituir, obviamente, pelo nome do arquivo que você baixou 😛

mv NOME_DO_ARQUIVO_QUE_VOCÊ_BAIXOU /usr/java
Ex.: mv jdk-6u16-linux-x64.bin /usr/java

Acesse o diretorio e dê permissão de execução para o arquivo.

cd /usr/java
chmod a+x NOME_DO_ARQUIVO_QUE_VOCÊ_BAIXOU

Por último executamos o arquivo para começar a instalação:

./NOME_DO_ARQUIVO_QUE_VOCÊ_BAIXOU

Digite “yes” quando receber os termos da licença, e espere o final da instalação.

Após o término da instalação, você poderá deletar o arquivo .bin, deixando apenas a pasta que foi criada no diretorio /java. No nosso caso a pasta é jdk1.6.0_16, mas a sua versão pode ser diferente. A partir de agora, onde aparecer NOME_DA_PASTA_QUE_FOI_CRIADA você deverá substituir pelo nome certo, referente a sua versão (no nosso caso jdk1.6.0_16).

Agora iremos setar as variáveis de ambiente para que nosso JDK funcione corretamente.
Abra o arquivo /etc/bashrc, para isso digite no terminal:

gedit /etc/bash.bashrc

Acrescente as seguintes linhas ao final do arquivo:

export JAVA_HOME=/usr/java/NOME_DA_PASTA_QUE_FOI_CRIADA
export PATH=:/usr/java/NOME_DA_PASTA_QUE_FOI_CRIADA/bin:$PATH

export JAVA_HOME=/usr/java/NOME_DA_PASTA_QUE_FOI_CRIADA export PATH=:/usr/java/NOME_DA_PASTA_QUE_FOI_CRIADA/bin:$PATH

Para confirmar o sucesso da configuração, abra uma outra seção de console e digite os seguintes comandos no terminal:

java -version

Você deve receber uma resposta semelhante a esta:

java version “1.6.0_16″
Java(TM) 2 Runtime Environment, Standard Edition (build 1.5.0_09-b03)
Java HotSpot(TM) Client VM (build 1.5.0_09-b03, mixed mode, sharing)

java version “1.6.0_16″ Java(TM) 2 Runtime Environment, Standard Edition (build 1.5.0_09-b03) Java HotSpot(TM) Client VM (build 1.5.0_09-b03, mixed mode, sharing)

javac -version

E você irá ver a versão do Java Compiler e suas opções.

A partir de agora, toda vez que você quizer compilar um arquivo, basta digitar:

javac nome_do_arquivo.java

E toda vez que for executar:

java nome_do_arquivo (sem .class no final)

Fonte: http://javafree.uol.com.br/artigo/872027/Instalando-e-configurando-o-Java-no-Linux-Ubuntu.html


  • Publicidade

  • Redes Sociais

    Facebook  Twitter
  • Estatísticas

    Page Views (desde março de 2010):

    Estatísticas detalhadas
  • Novidades por e-mail!

    Digite seu e-mail:


    Fique tranquilo. Seu e-mail não será usado para outros fins, e você poderá se descadastrar quando quizer.

    Eu!

    Tiago Passos
    Todo o conteúdo desse site esta licenciado sob a licença Creative Commons 3.0 (CC BY 3.0). Você pode copiar e modificar o conteúdo desde que cite o autor.
    iDream theme by Templates Next | Powered by WordPress