Ganhe R$20 de desconto na primeira corrida com a 99Taxi!

Tag: mark shuttleworth

O Nokia Qt fará parte do Ubuntu 11.04

Em um post do seu blog, Mark Shuttleworth – fundador da Canonical, dona do Ubuntu – revelou que o Nokia Qt será incluído como um componente padrão nas próximas versões do Ubuntu, a distribuição Linux mais popular atualmente. Trata-se de um framework multiplataforma, ou seja, que funciona em vários sistemas operacionais, desenvolvido em C++. Sua utilização torna possível desenvolver aplicativos e bibliotecas e compilá-los em diversas plataformas, sem a necessidade que alterar o código fonte. É bastante utilizado no KDE (interface gráfica para Linux) e no Maemo (nova plataforma para dispositivos móveis da Nokia). Ambos livres.

Com o Qt também será possível um posicionamento mais forte no “mundo” dos dispositivos móveis. Irá também ajudar a acelerar o desenvolvimento de aplicativos de terceiros. A mudança pode ser considerada como bastante controversa, pois enquanto distribuição “Gnome”, historicamente o Ubuntu sempre se alinhou com o Gtk+, outro toolkit multi-plataforma para a criação de interfaces gráficas.

Historicamente, aplicações Linux para desktop têm sido desenvolvidas com Gtk+ ou Qt, os dois toolkits livres dominantes para esse fim. O Qt foi, originalmente, criado pela Trolltech. As maiores distribuições Linux padronizaram o desenvolvimento utilizando o Gtk+ por causa da sua licença mais permissiva e mais barata para o desenvolvimento de softwares proprietários. Apesar disso, o Qt está tendo uma evolução mais rápida sob vários aspectos, como melhores recursos e portabilidade.

A Nokia adquiriu a Trolltech em 2008 e licenciou o QT sob a licença LGPL em 2009, o que eliminou as barreira comercial do licenciamento, que impediu a adoção em larga escala do toolkit. Entre as empresas que utilizam o Qt estão: Google, Amazon, Skype e Adobe.

Fonte: ars technica


Gerente de Desenvolvimento do Ubuntu sai da Canonical e vai para o Google

Scott James Remnant, the “Gerente de Desenvolvimento do Ubuntu”, da Canonical, anunciou que está se mudando de Londres para trabalhar na Google, em São Francisco. Ele deixou sua posição no Debian há sete anos e entrou na Canonical, quando a empresa foi fundada por Mark Shuttleworth.

Ele fala no seu blog sobre o interesse em viver em São Francisco, junto com uma vontade de voltar ao “desenvolvimento puro”, ao invés da “engenharia da distribuição”.

Fonte: The H Open Source


  • Publicidade

  • Redes Sociais

    Facebook  Twitter
  • Projetos Paralelos

  • Estatísticas

    Page Views (desde março de 2010):

    Estatísticas detalhadas
  • Novidades por e-mail!

    Digite seu e-mail:


    Fique tranquilo. Seu e-mail não será usado para outros fins, e você poderá se descadastrar quando quizer.

    Eu!

    Tiago Passos
    Todo o conteúdo desse site esta licenciado sob a licença Creative Commons 3.0 (CC BY 3.0). Você pode copiar e modificar o conteúdo desde que cite o autor.
    iDream theme by Templates Next | Powered by WordPress