Servidor dedicado (VM) por US$5 ao mês!
Saiba mais sobre a DigitanOcean: Adeus Amazon (AWS)... Olá DigitalOcean!

Faça uma recarga de celular e ganhe R$10 de volta!

Tag: twitter

Echofon: Plugin do Firefox para Twitter

Pra você que é viciado no Twitter e passa o metade da sua vida nele, tem um plugin que pode deixar sua vida mais prática. O nome dele é Echofon.

Quando você instala o plugin, um ícone aparece na sua barra de ferramentas. Essa barrinha lhe avisa toda vez que um tweet novo chega, e quantos você ainda não leu. Você também pode twitar diretamente por ela. Para baixar o plugin, basta ir aqui.

Depois que instalar o plugin, você tem que clicar com o botão direito em , ir em preferências e clicar em adicionar um usuário. A partir daí, periodicamente o Echofon checará o seu Twitter. Veja um screenshot dele:

Pra quem usa o Firefox 4, tem que digitar CTRL + / pra aparecer a barra de extensões, ou então ir em Exibir / Barra de Ferramentas / Barra de Extensões.


Navegue de forma segura (ou em sites bloqueados) com o JAP no Linux

Quando você navega pela internet, suas informações circulam por proxies e outros servidores, o que pode ser perigoso. Informações confidenciais como números de cartão de crédito e até senhas podem simplesmente cair na mão de bandidos sem que você saiba como. Para te ajudar a impedir isso, existe um programa chamado JAP. O programa também serve para acessar sites bloqueados em alguns proxies, mas se você vai usar isso ou não, é responsabilidade sua :). São disponibilizados servidores pagos e gratuitos, e mostrarei como usar servidores gratuitos.

O que o ele faz é o seguinte: ao invés de se conectar diretamente a um site, o programa utiliza servidores próprios que baixam a página pra você, e te enviam de forma criptografada. Isso te dá uma segurança maior, mas tem um custo. Sua conexão ficará bem mais lenta. Por isso é interessante utilizar só quando necessário. Para instalar, faça o seguinte:

Abra o Terminal (no Fedora, o Terminal é acessado Menu Principal / Sistema / Terminal. No Ubuntu, é acessado é Aplicativos / Acessórios / Terminal) e digite:

java - version

Deve aparecer algo como isso:

java version "1.6.0_22"

No meu caso, a versão instalada do Java é a 1.6. É necessário ter instalado a versão 1.2 ou superior, e recomendável ter a 1.4 ou superior. Se você possui uma versão inferior à 1.4 faça a atualização do sistema ou o download no site da Sun de uma versão mais nova.

Depois isso, você precisa baixar o programa aqui. Com o programa baixado, vá até a pasta onde ele se encontra (pelo terminal) como no exemplo abaixo:

cd /home/SEU_NOME_DE_USUARIO/Download

Não se esqueça de fornecer o caminho correto. A linha acima é só um exemplo.

Quando estiver na pasta, digite:

java -jar JAP.jar

O comando acima irá executar o JAP. Quando ele abrir, feche o assistente de configuração e em Avaliable Servers (servidores disponíveis) escolha um servidor gratuito. No meu caso, funcionou com o servidor Custom filter / Dresden (JAP).

Depois disso você precisa configurar o navegador. Vou mostrar como fazer no Firefox. É bem simples:

Acesse o menu Editar / Preferências / Avançado / Rede / Configurar Conexão.

Marque a opção “Configuração Manual de Proxy” e “Usar este Proxy para Todos os Protocolos”.

Em HTTP digite: 127.0.0.1 e em Porta digite: 4001

Pronto. Agora você está navegando de forma segura e anônima! Os dados trafegados são contados em Encrypted data transferred.

O procedimento foi testado no Linux Fedora 14, mas deve funcionar em qualquer Linux.


Banco de Dados “Cassandra”, da Apache, permite ter 2 bilhões de colunas em uma linha

Um banco de dados livre capaz de armazenar linhas tão grandes pode ser muito útil, especialmente para a grande quantidade de dados dos maiores projetos de computação na nuvem, além de aplicações web de grande porte. Vários serviços já utilizaram esse banco de dados, incluindo o Digg, Twitter e Facebook. Foi o Facebook que desenvolveu o SGBD. O maior cluster do Cassandra possui mais de 400 servidores.

O novo recurso (Large Row Support) que permite que o banco armazene 2 bilhões de colunas em uma linha foi disponibilizado na versão última versão, a 0.7. Era possível armazenar aproximadamente 2GB de dados em uma linha, agora esse limite máximo foi removido.

Outros recursos foram adicionados nessa versão, como a adição de índices secundários e a possibilidade de fazer alterações em um esquema (schema) sem reiniciar o cluster inteiro. O Cassandra é um banco de dados não-relacional (NoSQL). Bancos de dados desse tipo possuem a vantagem de armazenar fácil e rapidamente uma grande quantidade de dados em um ambiente de clusters.


  • Publicidade

  • Redes Sociais

    Facebook  Twitter
  • Estatísticas

    Page Views (desde março de 2010):

    Estatísticas detalhadas
  • Novidades por e-mail!

    Digite seu e-mail:


    Fique tranquilo. Seu e-mail não será usado para outros fins, e você poderá se descadastrar quando quizer.

    Eu!

    Tiago Passos
    Todo o conteúdo desse site esta licenciado sob a licença Creative Commons 3.0 (CC BY 3.0). Você pode copiar e modificar o conteúdo desde que cite o autor.
    iDream theme by Templates Next | Powered by WordPress